quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Classificados

Procuro um novo lar. Dessa vez eu não me mudo com a família, vou procurar um apartamento só para mim. Triste? Nem tanto, não deve ser tão ruim assim viver sozinha, afinal a solidão aparece mesmo quando estou no meio de muitos - já me acostumei. Porém meu novo lar será repleto de sonhos; nos quatro cantos da parede haverá bilhetes amarelinhos de tarefas a serem cumpridas; na minha estante haverá um porta retrato com fotos da minha família e em um outro cantinho qualquer guardarei o mural dos meus amigos; não precisarei esconder os meus chocolates preferidos afinal quem irá rouba-los? A escrivaninha continuará lotada de livros a serem decorados; meu guarda roupa ainda implorará por novas modas a cada estação; próximo ao espelho o meu kit de maquiagem e meu protetor solar serão indispensáveis; talvez no frigobar haja algumas frutas, um leite; sobre a minha cama, o meu bichinho de pelúcia favorito - creio que não levarei todos; terá também um espaço reservado para o meu laptop.
Também vou querer uma flor, caso eu precise desabafar...


-"Mamãe estou indo cuidar da minha própria vida, acho que cresci".

2 comentários:

Charlos Pig disse...

- Mamãe, preciso fazer pipi!

G. Mantelli disse...

- Mamãe, corta minha unha!