quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Fuga

As vezes tudo o que eu quero é fugir dessa sociedade.

2 comentários:

G. Mantelli disse...

Convenhamos que eu também. É tanto compromisso, obrigação. Mas mesmo assim, não queria. Tem tanto sorriso e felicidade que dá até gosto de se ver. Somos complexos, é fato.

Charlos Pig disse...

Fugir pra onde? Pra que?